Logo da AAO(30 anos)

Novo Espaço da Feira do Produtor

Em 1989 foi cedido à AAO - Associação de Agricultura Orgânica, pela SAA/SP (Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo), o espaço no Prédio do Fazendeiro, no Parque Fernando Costa para instalação de sua sede. A partir de 1991, a AAO iniciou a gerência da Feira do Produtor Orgânico com 12 produtores credenciados.

Em 2010, a Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo iniciou o processo de restauro e revitalização do Parque Fernando Costa, obedecendo às orientações dos órgãos oficiais referentes ao Patrimônio histórico, uma vez que o parque e suas edificações são tombadas pelo CONDEPHAAT.

Desde 1991 a Feira do Produtor Orgânico da AAO, tem ocupado o espaço interno de um Galpão a ela destinado pela Secretaria da Agricultura e Abastecimento de SP. Com a reforma e restauro do Parque, a AAO, através de um projeto arquitetônico doado pela Faculdade de Arquitetura e Urbanismo Mackenzie, esta pleiteando, junto à Secretaria - pavilhões antes utilizados para as exposições de animais - para a instalação da Feira, e parte do edifício 10, para as instalações administrativas da AAO e onde se propõe abrigar também um café e um bistrô orgânico, nos espaços entre essas instalações.

Este espaço possibilitará aumentar o número de produtores, trará maior conforto aos consumidores da Feira, acesso a estacionamento ao lado, entrada de pedestres pela Av. Francisco Matarazzo, lugar totalmente plano e muito mais!

A proposta para o novo projeto da Feira do Produtor Orgânico compreende a reforma de adequação do espaço através da utilização de técnicas de restauro visando atender a um programa complexo voltado à sustentabilidade (social, ambiental e econômica) em meio urbano.

Na reforma serão utilizados:

  1. Suporte para tetos verdes.
  2. Estruturas em bambu, com formas orgânicas para contrastando com as formas rígidas das estruturas dos pavilhões.
  3. Malha espacial tendo o tetraedo como base, geometria que garante resistência ao conjunto, porém com aparência leve.
  4. Painéis Fotovoltaicos.
  5. Áreas com iluminação natural.
  6. Captação de água da chuva.